Na verdade, tenho medo que o novo ano seja bom


Eu não quero disparar em festejos antes de ter a certeza mas ele parece diferente. Acho que talvez já percebeu...

" - Tenho de ir a casa dos meus pais Sábado, vou ainda jantar. Estava a pensar: queres fazer qualquer coisa sexta-feira à noite ou Sábado?
- Hum... Não pode ser os dois?? Ou não tens tempo?"

E pronto, se calhar isto não faz sentido nenhum para vocês. Mas era impensável ele mostrar este tipo de entusiasmo há umas semanas atrás. Ou responder-me a mensagens sem ser 3 horas depois, ou mandar-me mensagem a dizer nada, só por ter saudades de falar comigo; ou estar meio dia sem falar comigo ,para 10 minutos antes de eu dar aula mandar mensagem a dizer "Eu sei que vão ser 3h de seguida, mas coragem, lembra-te que adoras o que fazes! Boas aulas amor ;) " - ele lembrar-se do que eu vou fazer já é mérito quanto mais saber se é uma ou 3h...

Parece diferente mas não sei... Nem vou deitar foguetes antes de recomeçarem as aulas. Sim, porque o tempo de aulas é a nossa vida normal. Não duas semanas de férias perfeitas, em que estamos no sofá enrolados em mantas, ele a estudar para os exames e eu a ler um livro... Isn't that a shame? :)


Cisne

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Demasiado