Não sei a quem bata primeiro...



... Se ao turco, à minha colega de casa ou ao namorado dela.

O turco ri o quão alto consegue pela noite fora de séries e filmes, para não falar quando fala com alguém pelo skype. A minha colega de casa e o namorado precisamente o mesmo. Eu chamo a atenção para os vizinhos ver se eles percebem a mensagem e eles olham para mim como se eu fosse louca «Olha agora, tou na minha casa faço o barulho que eu quiser!». Pois amor, isso é lindo, já pensaste que me podes estar a incomodar a mim também??

Pá, é frustrante ter o cuidado de incomodar o menos possível, de cozinhar ao gosto deles, de manter tudo limpo e arrumado, de ir para o meu quarto conversar baixinho e com fones... Pá... Tá certo. A louca sou eu.

Às vezes gostava de não ter tão mau feitio e ter apciência para aturar faltas de respeito. Sim, chamem-me exagerada. Para mim é o que é. Nem com a minha mãe consigo falar como deve ser porque tenho de ir para o quarto onde a ligação é péssima. Tentar na sala é inútil dado que eles fazem questão de falar alto por cima da minha voz.

Pá... Sem mais comentários. Vou-me deitar.


Cisne

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Da falta de coragem que descobri que tenho

O pós