O ponto positivo...


Eu não tenho lido livros, eu tenho comido livros!! Ora, isto de ter um trabalho em que me é permitido ler nos intervalos entre cenas (que às vezes são bem longos); de ter uns colegas com quem a última coisa que me apetece fazer é dançar, quanto mais conversar; e de ter uma mãe, tia e irmã que nasceram a comer devorar livros, facilitou e em muito o facto de andar a ler até ficar inconsciente.

Ora, lá para cima do blog há uma qualquer coisinha que diz quais são os livros que recomendo e "desrecomendo" mas já agora fica aqui também em post, não vá a malta andar distraída com a praticamente inexistente actualização dos separadores:

* O Código da Vinci (Dan Brown): e-s-p-e-c-t-a-c-u-l-a-r! Ora, eu por si só já adoro policiais; ora, provavelmente o policial mais conhecido do mundo, associado a ter aprendido imenso sobre história, mitos, etc., foi o melhor dos que já li. É que apesar de todo o romanciado, principalmente se houver pesquisa paralela, está muito claro o que é ficção e factual, e conhecer os factos e tudo acerca do Santo Graal... Bom, este livro fez mesmo as minhas delícias. Obrigada Ana Maria!!

* Amor e Guloseimas (Kate Jacobs): uma comediazita romantica levezinha. Basicamente: serviu o efeito! Eu andava mesmo a precisar de algo que não me distraísse demasiado a ponto de não entrar em palco (estilo o da Vinci!!) mas que me distraísse o suficiente do ambiente péssimo e das pessoas daquele teatro. Boa :)

* Anatomya de la Danza: em espanhol, um grande esforço, agora que não tenho praticado. Tenho lido pouco, é mais um manual que um livro, é para aprender sem histórias, 
só desenhos, mas pronto, vai-se lendo e aprendendo aos poucos. Mas está muito bem escrito!! Seja como for a impressão que tenho é que uma grande parte do que li e vou ler já aprendi na faculdade - o que por um lado é bom!! Mas sendo assim preciso de encontrar outros livros teóricos sobre dança mais avançados...

* Um Guia para ficar a saber ainda Menos sobre as Mulheres (Isabel Stilwell): Antes o ler, nunca pensei que fosse literalmente um guia. Dá aos homens os mais variados conselhos sobre como lidar com uma mulher (atenção que disse lidar, não compreender ;) ) e clarifica um pouco às mulheres o que raio andamos a fazer e planear consciente e inconscientemente nesta vida modesta que é a nossa. Basicamente, numa escrita simples e desenvolta, mete tudo em pratos limpos. Ri bastante com a quantidade de verdades que ninguém se atreve a admitir ou sequer proferir. Recomendadíssimo para ambos os sexos e facílimo/curtíssimo de ler! (li-o numa noite, mais precisamente algures entre 3h não consecutivas)

Seguem-se: O Tigre Branco, a Triologia de Nova Iorque e...gaita não me lembro do nome. Depois escrevo :p *

* Adenda: A Sangue frio, é o livro que está em falta. 

Comentários

Anónimo disse…
A Sangue-frio :)
Sónia TM disse…
É tão bom quando temos livros que nos agarram.


tarasemanias.pt

Mensagens populares deste blogue

Demasiado

Brand New