De génio

"Dou muita importância às palavras e não faz sentido, para mim, ser de outra forma - é a melhor forma de comunicação que existe. As palavras, mesmo as escritas, têm o poder de ficar no ouvido, e fazem eco, fazem-se ouvir mesmo quando não é conveniente. Têm o poder de ser a primeira pedra de uma fundação ou de fazer cair uma construção sólida. Uma palavra constrói um ego ou inicia uma vida inteira de dúvidas. Palavras são abraços que se dão e duram anos, são fonte de força e certeza, ou murros no estômago, de tão secas e inesperadas que foram, e magoam para lá do momento. Magoam quando são ditas, e magoam vezes sem conta ao serem lembradas. As palavras marcam tanto que marcam até por não serem ditas."

Saramago podia ter escrito. Se calhar escreveu parecido. Mas a autora é mesmo a Trocatintas - para mim, um génio das palavras directas e frontais, que são curtas quando o devem ser e que são longas quando as precisam de ser.

Comentários

trocatintas disse…
Errrrrr... Obrigada? (menos, Cisne, muuuuuito menos) :)
Cisne disse…
:) Modéstia, coisa bonita... :)

Cisne.

Mensagens populares deste blogue

Demasiado