Este blog sou eu


Hoje o meu blog faz anos :) Estou a aldrabar um pouco. Hoje, porque já são 00H33, é dia 4 de Julho e o blog teve o seu primeiro post no dia 3. Mas eu só me lembrei agora; tenho mais que isso na minha cabeça também, dêem o devido desconto, sff.

O meu primeiro post foi um poema, foi este.

Escrevi-o numa altura em que ainda tinha mais ou menos jeito para poesia e mais ou menos paciência para a ler. Foi também uma fase menos boa da minha vida, triste e de grandes mudanças, razões que me levaram a criar o meu blog.

Na verdade, também hoje, também ultimamente, tenho estado numa fase menos boa da minha vida, uma fase triste e de grandes mudanças.

Sei que deveria celebrar... Afinal nunca em 18 anos de existência consegui manter um diário (mesmo que me comprometesse a escrevê-lo de 15 em 15 dias - também não o mantinha) e este blog já tem dona há 4 anos... Parece pouco mas para mim é muito. Não esquecer que em 2008 eu tinha 14 anos, o que significa que este blog contém a maior parte das histórias importantes e das minhas «grandes mudanças», como também é próprio destas idades.

Sabe bem olhar para trás. Dediquei algum tempo (demasiado, dada a quantidade exorbitante de trabalhos que me estão na lista de espera para fazer) a ler alguns textos de há anos e outros com apenas uns meses. Fez-me bem porque não só relembrei coisas muito boas como esta ou esta; coisas engraçadas como esta; coisas um pouco tristes mas que fazem sentido como esta; mas como também tirei algumas conclusões acerca do teor mais recente do blog (e a minha vontade volta e meia de lhe cortar o pio).

Fiquei até a saber algumas coisas sobre mim que eu somente não sabia:

  •  É quando estou mais triste ou deprimida que escrevo melhor e tenho tendência para a poesia;
  •  É quando estou zangada, stressada (e obviamente muito ocupada) que raramente escrevo ou escrevo alguma coisa de jeito;
  •  Quando estou contente, tenho tendência a escrever exactamente como falo e a escrever o dobro ou o triplo do normal (há excepções para longos textos como este mesmo, em que estou a reflectir sobre qualquer coisa);
  •  Adquiri um hábito recentemente, de que não gosto nada, de utilizar abreviaturas como «qq, qd, ngm, tb...» qd  quero escrever depressa para não perder o raciocínio;
Quanto ao teor do blog... Este blog é o que eu sou. Não falo de nada por si só. Umas vezes falo de cosméticos, outras de roupa, outras de dança, outras dobre as pessoas... Enfim. Mas na sua essência, este blog representa-me e ao que eu faço, ao que eu penso. Portanto, basicamente não me importa se às vezes só cá venho para divulgar sorteios ou se só para meter imagens do 9gag... É o que me apetece.


Hoje... estou triste. Tenho pena de estar triste e absurdamente ocupada, caso contrário leria muitos mais post, relembraria muito mais... Mas pronto, está feita a devida "homenagem" a este espaço e a todos os que o lêem, por me acompanharem no bom e no mau.

Deixo a música do momento que, no momento, faz todo o sentido para mim. Que noutra altura teria achado a maior foleirice de todos os tempos, mas hoje e ultimamente...faz simplesmente mesmo sentido.


Obrigada por tudo e obrigada pelos 4 anos maravilhosos - tenho sido a pessoa mais feliz. Só não agora.


Cisne.

Comentários

béu disse…
Muitos parabéns Cisne!
Cisne disse…
Muito obrigada * :):)

Cisne.

Mensagens populares deste blogue

Demasiado

Brand New