Mensagens

A mostrar mensagens de Julho, 2012

E se?

Imagem
"Porquê? E se...? Será que...? Porque não? Talvez se..."
E quando isto era o que ocupava as minhas noites, eis que agora também ocupa os meus dias. Quero o Algarve de novo... Ou então aulas. Que comecem rápido!! Já não demora tanto, para a semana já vou estar agitada de novo com coisas verdadeiramente úteis a ocuparem-me a cabeça. Thank God...



Cisne.

Pós-«reset»

Imagem
Se fosse doutra forma não era a minha vida e se a minha vida não fosse assim eu seria uma pessoa completamente diferente. Mas será que eu gosto de quem sou? Bom, não tenho gostar todos os dias... As noites são sempre mais difíceis. Porque de dia há muita coisa para fazer. Ou mesmo que não haja, há o sol e há um gelado ou um livro... Mas à noite, quando há moleza e não há vontade para fazer nada, a cabeça começa a fazer reset. Depois do reset tem de formatar e a formatação da noite consiste basicamente em relembrar todos os problemas que de dia pareciam não estar lá...
O que me afecta ultimamente não são as minhas acções mas sim os meus pensamentos. Estou constantemente a pensar no passado sem razão para isso. Constantemente a relembrar a minha infância;  pequenas e poucas memórias que tenho de quando os meus pais ainda estavam juntos (provavelmente algumas que implantei na minha cabeça, a partir de histórias que me contaram); rebelarias; parvoíces; textos e princípios que criei, que …

O que não foi dito...#1 - o meu ano lectivo

Imagem
O prometido é devido! Agora que estou de férias, vou finalmente contar o que se tem passado na minha vida desinteressante desde que fui mantida prisioneira da faculdade; não que alguém tenha reclamado de não saber mas convenhamos: o blog é meu, não é? Então deixem-me lá desabafar e dizer para aqui uns disparates ;)
Entretanto, como muita coisa ficou ainda por dizer, vou ter de fazer isto em vários posts que em princípio devem ser intercalados com os meus posts habituais (um pouco mais interessantes, por ex. quando meto imagens do 9gag... não me venham com coisas que isso eu sei que vocês gostam! ;) ).
Pois muito bem: para não recuar até aos primórdios do início do meu ano lectivo vou resumi-lo todo assim o mais depressa que conseguir (nota: é altamente provável que eu deixe de o conseguir fazer depressa).
O meu ano foi espectacular. Este curso é tudo o que eu esperava e estou muito feliz por tê-lo escolhido apesar de todas as dúvidas que tinha antes. Fiz muito bons colegas!! E acho que j…

Silêncio: que nem eu vou cantar...

Imagem
Não tem a ver com perdão ou com tentar. E um dia vais entender.

Agora: esse dia nunca vai chegar, para nenhum dos dois, se te mantiveres por perto.

Eu não te ignoro. Ignorar é não ouvir - eu apenas não respondo. Ou porque não é a altura certa ou porque não é a minha mãe vez de dar respostas ou ainda porque é a minha vez de ficar calada. Já falei muito e agora o silêncio nunca fez tanto sentido. Estar sozinha, literalmente no sentido em que não está nenhuma pessoa por perto, nunca fez tanto sentido.

É estranho quando o silêncio parece dizer-te tanto? Tive uma professora de psicologia que chamava a este processo mental «reset». Ou seja, é aquele momento em que a nossa cabeça (até a das mulheres!) fica em branco, sem qualquer pensamento, com o olhar pousado no horizonte como se a mente se esquecesse, por breves segundos, o que deve fazer. Mas será que é possível fazer «reset» durante tanto tempo?

Sinto que parei no tempo. Mesmo. Eu sei que ele passa até porque não há coisa mais realista …

Boa pergunta...

Imagem
Perguntas-me como é que eu consigo. É mesmo uma boa pergunta...

Cisne.

já está

E já está... O semestre finalmente acabou. Já hoje é domingo e ainda tenho dores no corpo todo. Ontem parecia que tinha levado uma tareia, mal me conseguia suportar o meu peso nas pernas. Hoje já estou melhor mas mesmo assim... agora entendo a descarga de energia... foi impressionante a pouquíssima quantidade horas que eu dormi nestas duas semanas e o absurdo de horas que tive de trabalho e espetáculos.
Um dia destes cumpro a milionésima promessa de passar cá a contar como foi tudo ;)

Agora vou ali virar-me para o outro lado e já venho :) Cisne.

...

Imagem
Vamos lá ver se isto ajuda a acabar o trabalho mais depressa...



Cisne.

If only...

Está quase

Imagem
Estás quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase está quase...

A sensação ultimamente...

Imagem
...tem sido a de estar a correr numa passadeira de ginásio. Farto-me de correr, fico exausta e sem energia, desastrada como sou ainda torço um pé ou uma mão e, no fim, continuo no mesmo sítio.


Cisne.

"I was born when I met you...

Imagem
...Now I'm dyin' to forget you (...)"


Não consigo dormir...só um desabafo.

E não mãe, não foi porque adormeci mal meti as costinhas na cama, tal era o cansaço físico e psicológico. Ainda me sinto cansada e com sono. Só não consigo dormir -  mas descansa que lá compenso comendo. Se estas férias não há dieta, terei de retirar os espelhos a todos os estúdios da minha faculdade e casas...

Cisne.

Este blog sou eu

Imagem
Hoje o meu blog faz anos :) Estou a aldrabar um pouco. Hoje, porque já são 00H33, é dia 4 de Julho e o blog teve o seu primeiro post no dia 3. Mas eu só me lembrei agora; tenho mais que isso na minha cabeça também, dêem o devido desconto, sff.

O meu primeiro post foi um poema, foi este.

Escrevi-o numa altura em que ainda tinha mais ou menos jeito para poesia e mais ou menos paciência para a ler. Foi também uma fase menos boa da minha vida, triste e de grandes mudanças, razões que me levaram a criar o meu blog.

Na verdade, também hoje, também ultimamente, tenho estado numa fase menos boa da minha vida, uma fase triste e de grandes mudanças.

Sei que deveria celebrar... Afinal nunca em 18 anos de existência consegui manter um diário (mesmo que me comprometesse a escrevê-lo de 15 em 15 dias - também não o mantinha) e este blog já tem dona há 4 anos... Parece pouco mas para mim é muito. Não esquecer que em 2008 eu tinha 14 anos, o que significa que este blog contém a maior parte das histó…