Mensagens

A mostrar mensagens de Setembro, 2013

Mais uma

Imagem
Não estou preparada para uma nova semana e muito menos com tanta chuva...
"Porque o amor era espera e ela, sem mais nada, apenas esperava. Ela esperava o futuro e esperar era já um modo de amar." (Valter Hugo Mae)

Cisne

E hoje...

Imagem
... finalmente vou dançar!!

Passei o dia todo a limpar, a trabalhar, a estudar, a afzer recados para a AE, portanto, é mais que merecido! Vou vestir-me toda pipoca, vou fazer um jantarinho pouco saudável mas bem gostoso, vou ver um espectáculo e a seguir vou dançar!
Bom fim-de-semana!!

Cisne.

Querida cabeça:

Imagem
Obrigada por achares que esta noite só precisava de dormir 4h... Mas da próxima nada de «achares», sim? Preciso de descansar, fixe? Obrigadinha...
Cisne

Dois grandes sorrisos e uma tromba de água

Imagem
Ele perguntou: - Queres que eu te peça em namoro? Eu respondi: - Não, isso só faria com que me risse da tua cara... - Pois, foi o que eu pensei...
Dois grandes sorrisos, uma grande tromba de água em cima de ambos e pronto, lá se foram as aspas à palavra «namorada». Curioso que ainda hoje falei sobre isso com um amigo e falámos precisamente de forma descontraída: acabámos o assunto com «e viva a incerteza!».
Acho que o grande ensinamento que a vida me tem tentado dar é não procurar desesperadamente, é não querer desenfreadamente. Basicamente é viver de forma ponderada, agradecer cada segundo, compreendê-lo na sua simplicidade, sem meter a carroça à frente dos bois. Não sei se aprendi a lição para sempre, mas pelo menos percebi-a.
Estou feliz =)
Cisne

"Há Sempre Enormidades nos Teus Silêncios"

Como prometido, cá está o vídeo da performance em co-criação com o meu colega A., na Escola Superior de Dança em Lisboa. Só demorou mais tempo porque o blogger não quis cooperar então tive de recorrer ao miguinho youtube... Sinopse: 
Amor é o traço afectivo que nos transforma num obstáculo. Se comunicar for impossível, a frustração será o fracasso que nos une.


Preferencialmente depois de carregarem no play, eis alguma informação adicional: Dança contemporânea europeia (ou seja, não tem nada a ver com o que se costuma ver na TV e que vem lá das Américas);É sobre o cansaço - o que o causa, como é que ele acontece e onde nos pode levar. Quanto a onde nos pode levar a interpretação não é só nossa mas de quem vê a peça. A peça foi feita para interpretações, é para ser lida como a um poema e para ser encarada como uma narrativa pessoal, que pode pertencer a qualquer um, adequar-se à história de cada um. O cansaço, para mim e para o meu colega que nos encontrávamos em fases da vida muito seme…
Passei só para dizer que estou com trabalhinho até às orelhinhas! Espero amanhã, como um horário mais folgado, conseguir meter tudo em ordem!!
Cisne

Já sinto um frio que me passa no corpo e toda a gente diz estar calor

Imagem
"Naquele instante, nenhum dos convidados quereria ser outra pessoa. O Crisóstomo pensava nisso, em como acontece a qualquer um, num certo instante, não querer trocar de lugar com rei ou rainha nenhuns de reino nenhum do planeta".
Valter Hugo Mãe, "O filho de mil homens"
Perguntou-me o que vi nele. Respondi-lhe que vi o mesmo que em todos os outros: meio caminho para sofrer. O importante era o que via agora: meio caminho para ser feliz.
Ele perguntou-me de onde é que eu vim, de onde eu caí, para depois poder ir buscar mais. Perguntei-lhe se eu não bastava. Ele respondeu-me que era só para quando eu me fartasse dele, como a música que ouvia, ou a roupa que usava. Se ao menos ele soubesse que me farto das coisas porque não lhes ligo nem 1/10 do que ligo às pessoas...
Ele disse-me que pensou numa coisa para me dizer. Diz lá. Preferes estar comigo um dia por semana e não me ver em todos os outros, ou preferes não me ver de todo? Porque qualquer um deles é legítimo e …

Mais uma despedida...

Imagem
As três semanas já estão a chegar ao fim.
Desta vez disse-lhe que não via futuro na relação, não porque tivesse uma certa distância, mas porque enquanto estou com ele quero conhecê-lo, quero avançar, quero entrar na vida dele, ser uma parte activa e não meramente expectante... Ao vermo-nos uma vez por semana isso torna-se impossível porque nunca vai haver oportunidade ou sequer confiança para isso. Vamos estar a dar um passo em frente à sexta-feira e 6 passos para trás enquanto estivermos separados... Ele respondeu-me: qual é a alternativa? Deixarmos de nos ver? Eu gosto de ti, quero estar contigo.
Depois disse-lhe que não sabia se ia aguentar. Vou começar a dormir muito pouco com as minhas aulas na faculdade e as aulas que dou e que não sei se vou aguentar as sextas-feiras à noite até altas horas como esta... Ele olhou-me com uma cara triste e eu não consegui conter um «vamos tentar, ok?».
Cada despedida custa mais, pois cada vez gosto mais, cada vez me aproximo mais, cadaz vez o …

Entretanto no reino do paraíso...

Imagem
... estou feliz, tão feliz. Passado o nervosísmo incial, o meu trabalho é o melhor do MUNDO! As turmas que me calharam são especatculares, elas são uns amores! E os rapazes?? Oh meu Deus, tão fofos e reguilas! Adoro os meus alunos, adoro ser professora, adoro ensinar! Não consigo conter o entusiasmo, acho que descobri mesmo a minha vocação, fico tão feliz quando estou com eles, sinto-me tão preenchida... E vê-los evoluir?! É tão fantástico que em apenas duas aulas já se notam diferenças, de que perceberam o que eu disse na aula anterior... Fascinante. Mesmo! E o feedback tem sido extraordinário :)
Confesso gostar mais de ensinar as turmas mais avançadas, tem mais a ver comigo. Os miúdos são muito irrequietos e o meu trabalho não é só ensiná-los a dançar. É ensiná-los disciplina, educação, concentração... Enfim :) Mas tem sido tudo uma experiência maravilhosa, sou tão feliz. :) Tenho tudo. Tenho mesmo tudo :) Eu sei que isto vai parecer estúpido mas eu não acho mesmo que haja alguém m…

Ele conheceu o meu melhor amigo...

Imagem
...bicha. xD Bem, vá, ele não é bicha, é só gay. Mas nessa noite estava particularmente animado!! Resultado: se o moço se fosse assustar já tinha sido pois o meu excelentíssimo melhor amigo estava tãããão animado que fez questão de despejar toooodos os meus podres. TODOS! Mas pronto, na verdade nem tive coragem de ralhar com ele. De facto, depois do que já se passou, se é para não gostar de mim mais vale ser agora. E mesmo assim ele ficou... :) Mesmo depois da aterradora notícia de que o meu amigo gay já me viu nua xD e que já dormiu em minha casa muitas vezes...e que dança comigo agarradinho...e que é giro que se farta, diga-se a bem da verdade. E ele na boa :):) E pronto, está passado o teste. Se o meu melhor amigo gostou dele, então há-de ser bom rapaz. Quanto aos amigos dele...lá para 2050?
Confesso que não quero muito conhecer os amigos dele. Não confio em músicos =/ Também já tenho os meus traumas, é verdade... Mas que não confio, não confio. Um gajo com uma viola na mão ao pé d…

A caminho de onde for

Imagem
O coração diz que vou perdendo um bocadinho e mais um bocadinho, a cabeça diz que estou a ganhar.

Não se pode chamar a esta uma relação à distância. É um rio que nos separa, não é uma muralha da China. E temos os dois carro, alguma independência e liberdade para organizarmos o nosso tempo. Tudo isto a cabeça sabe. Mas o coração sente a fragilidade de uma coisa tão recém-nascida. Sente que tem a bateria gasta, que está a ficar insensível.

Ontem ele disse "adoro-te" e eu respondi "pronto, tá bem". Juro. Por estas mesmas palavras. Foi instinto, é o que eu sinto, que são só palavras, que vai acabar...que está acabar. A questão é essa, é que agora já não é o sermão do costume: «Lá estás tu, Cisne, a meter a carroça à frente dos bois e a ser péssimista, pára de pensar tanto, vive a vida». Não, agora está a acontecer. Sinto que ele está a sair lenta e dolorosamente da minha vida... E pode ser só impressão, pode ser só uma fase de adaptação. Pode. Mas eu não estou aqui pa…

O curioso é que eu já era feliz...

Imagem
De repente a minha vida deu uma volta enorme e eu não podia estar mais feliz. O curioso é que eu já era feliz :) Ainda há pessoas que não acreditam em sorte e azar, em sinais ou destino...
Muito rapidamente comecei a trabalhar. A dar aulas de dança numa academia em Lisboa. Comecei assim o meu primeiro trabalho, iniciei uma nova etapa da minha vida, cumpri mais um sonho: fazer da dança carreira. Estou em extâse. Entretanto apaixonei-me. Sem esperar, sem me preocupar com isso. E, apesar de não saber se é uma relação com futuro, sei que não quero saber. A incerteza tornou-se uma segurança, a segurança de que independentemente do que aí vier estarei a viver a vida ao máximo, de que serei feliz, mesmo que as coisas corram mal.
Eu não sei porque sou tão sortuda mas sei que tenho muito pelo que agradecer e espero nunca perder a vontade de viver.

Cisne

Agosto em fotos...

Imagem

Estou apaixonada...

...


Cisne

I love it... I don't care - de chorar a rir!

Imagem
Bom, como este blog já anda um bocado depressivo a mais, façam um favor a vocês mesmos e leiam este post da Miss Murder, autora do blog Singularidades de uma Ruiva. Ela fez-me chorar a rir ao falar sobre a nova série juvenil «I Love It», protagonizada pela célebre Mia Rose. Dou-vos uma pista: A série é terrífica! Mas ler sobre ela é hilariante, confiem ;)
http://indecentementeinocente.blogspot.pt/2013/09/i-dont-care-i-love-it.html
Cisne

A noite de ontem...

Imagem
...não foi a desgraça total, afterall. Estou surpreendida, admito que estou. E confusa. Porque como estava à espera do pior estou meia azambuada a tentar lidar com uma coisa boa. Guess I'll figure it out eventually... But it's still a goodbye though... Can't get too excited... I'm just going to enjoy it till the end. I'm fine with that. Really :)

Cisne

Esta noite...

...não sei bem o que vai acontecer...mas parece-me que vai ser importante. Wish me luck?
Cisne

Quero...

Imagem

Why can't I just not care?

Imagem
Que estúpida... Eu achava que ainda ia ter 2 semanas até me despedir... Não me apercebi que as próximas duas semanas são a despedida e que vão estragar as memórias todas até aqui. Pior: não há nada que eu possa fazer para não me despedir, tarde demais... As próximas duas semanas vão acontecer, estão a acontecer, e eu tenho de me habituar rapidamente à ideia.
Cisne.

Queruu *.*

Imagem
Cisne

A leap of faith

Imagem
No início a premissa é estar à defesa. Tudo o que se revela está meticulosa e previamente pensado e o inconsciente preparadíssimo para não ter qualquer fuga de informação desnecessária.
Mas a dada altura terão de se baixar as guardas. As defesas têm o intuito de manter o perigo longe e o nosso instinto geralmente não percebe bem quando ainda há perigo (ou então é só o meu). E aqui, quando aliviamos um pouco a preocupação e confiamos um pouco mais, seja o que Deus quiser. Ou o Universo quiser, enfim... É só uma expressão!!
So basicly you take a leap of faith into the dark. But what do you do if it goes wrong? Yeah... Now get yourself back at your feet with no trail of traumma... Ham ham... Good luck with that.
Damn... I need a human beeing manual...

Cisne.

Don't touch me

Imagem
As cabras das palavras que ficam entaladas na garganta tendem a nunca sair. Porque é que não podemos dizer sempre o que queremos?
Cisne

Porque quando alguém nos faz feliz nos sentimos a garota do Ipanema...

E pronto, estou assim... para lá de muito feliz :) :)

Cisne

«Corta!»

Chegaram ao fim as gravações para a curta-metragem. AMEI! Experiência muito boa, passando pelo movimento, pelas pessoas, pela comida, pelos sítios... :)

Quando me disseram no final do próprio dia que as gravações acabariam e se começaram a despedir fiquei confusa e triste, não estava à espera nem preparada para me despedir. Apesar de ter sido pouco tempo, gostei das pessoas que conheci e de repente, mesmo sem muita afinidade, elas saem da minha vida para possivelmente nunca mais voltarem a entrar. Com isto apercebi-me da efemeridade da vida, da minha vida em particular. De todas as pessoas que vão passar por ela sem que eu nunca tenha a certeza se aquela é a última vez que as estou a ver. Se a princípio fiquei nostálgica e sem saber como lidar com a falta de controlo sobre tudo isto, depois encarei novamente a beleza de não sabermos o que nos reserva o futuro ou quem...

Há uma pessoa em particular que, com subtileza e tranquilidade, tem entrado na minha vida. Há uma semana atrás fazi…

Só passei para dizer...

... Estou feliz :)

Cisne

É simples e complica-se

Imagem
Tenho cá para mim que o amor é simples e que o pessoal gosta mesmo é de complicar. Contra mim falo. Tudo é um grande mistério, tudo é uma série de dúvidas e coisas que eu não sei... E depois?? Mas preciso de saber tudo porquê? Que raio de gosto esquisito tenho eu em estragar o que é bom, uma fase bonita de descoberta?
As relações de amor (ou aquelas que ainda não são de amor) são uma incógnita porque as pessoas são diferentes. Mas isso é uma coisa boa! Não serão nunca iguais às que já passaram, nem às que ainda virão, se for o caso... Assim, a bagagem que as pessoas trazem não importa desde o início até ao momento em que importa. Até ao momento em que, de facto, se cometeu um qualquer erro ou deslize que vai ser justificado com o passado com qualquer coisa como "epa, é que eu tive uma namorada que me fez uma cena de ciúmes em pleno centro comercial, portanto desculpa lá mas não gosto dessas cenas".
Para quê tanta curiosidade, mulheres? Sim, mulheres. Os homens ficam muito m…

Amanhã o Out Jazz aguarda-me :)

Cisne

Assim muito rapidamente:

Passei na audição e fiquei no projecto, tem sido excelente;Estou absolutamente exausta com horários malucos e dores no corpo todo;Reencontrei a minha paixão por Lisboa e por andar por aí a vaguear sozinha ou acompanhada;Reencontrei os meus 2 amigos de faculdade no Bairro Alto e foi rir a noite toda, como é sempre; Sinto-me mais segura quanto ao presente e às coisas que quero;Aceitei (pelo menos hoje) o facto de que o futuro é uma bonita incógnita e deve ser considerada deliciosa, em vez de torturosa. O meu desafio para a vida? Deixar-me ser feliz e pensar menos.

Estou e sou tão feliz :)

Cisne

P.S.- Vou dormir agora para amanhã estar fresquinha para o Out Jazz, a minha vida tem sido maravilhosa nos últimos dias de férias: só dançar, conviver, rir, conhecer pessoas, fazer programas com a minha irmã... Excelente :)